Postado em 13 de dezembro de 2017
Compartilhe

A Doença de Parkinson acomete cerca de 1% da população mundial acima dos 65 anos. É uma doença crônica e degenerativa, que acomete os neurônios dopaminérgicos.
Especialistas estimam que, no Brasil, são mais de 200 mil pessoas em tratamento. O diagnóstico é clínico e deve ser feito por neurologista.

Os sintomas principais são:

  • tremor de repouso
  • rigidez
  • lentidão
  • instabilidade postural

 

Sua causa ainda é desconhecida, assim como a cura. Mas isso não impede que os parkinsonianos vivam bem e com qualidade de vida.

Para viver bem com o Parkinson o tratamento multidisciplinar é fundamental. A Associação Paranaense dos Portadores de Parkinsonismo oferece tratamentos de excelência, com uma equipe de profissionais altamente capacitados e com ampla experiência no tratamento desse diagnóstico, como a Drª Adriana Moro, neurologista e a Drª Andressa Chodur, terapeuta ocupacional, que falam na entrevista abaixo para a matéria da RICTV Record.
Assistam, comentem e divulguem nosso trabalho.

Comentários