Pesquisa de interesse em curso

Criamos um formulário para verificar a quantidade de profissionais e graduandos interessados nesse curso de 16hs/aula com conteúdo exclusivo, específico para Terapeutas Ocupacionais.
Queremos saber o número de interessados para encontrar o melhor local para receber vocês. Já temos as datas: 07 e 08/12/19.

Preencha o formulário abaixo e logo entraremos em contato com mais informações sobre inscrições e pagamento.

Tratamento multidisciplinar na Doença de Parkinson – atuação da Terapia Ocupacional

A Terapia Ocupacional tem como principal objetivo de tratamento promover a autonomia e independência de seus pacientes. Na Doença de Parkinson o Terapeuta Ocupacional atua de forma generalista, reabilitando o parkinsoniano nos seus diversos contextos de vida (AVDs, AIVDs, lazer e trabalho). Para isso se utiliza de avaliações padronizadas, específicas para a Doença de Parkinson, além

Como cuidar de um paciente com demência numa crise nervosa?

Diversas patologias levam à disfunção cognitiva: Alzheimer, Parkinson, AVC, demência fronto-temporal, depressão, entre outras. Independente de qual seja o diagnóstico crises podem acontecer e elas trazem alteração comportamental, choro, agressividade, ameaças, fala desconexa, automutilação, o que deixam os familiares e cuidadores sem saber como agir. Nesse vídeo eu oriento algumas dicas fáceis e simples, com linguagem acessível para ajudar os cuidadores e familiares a agir num momento de crise.

PARKINSON – Dicas fáceis para melhorar o desempenho ocupacional – Parte 2

Continuando a série Dicas fáceis para facilitar a vida dos Parkinsonianos, hoje vou falar sobre uma atividade que implica diretamente na qualidade de vida de todo ser humano: a alimentação. Nas mais diversas culturas a alimentação faz parte de reuniões familiares, encontros com amigos e datas comemorativas. O ato de comer está diretamente relacionado com a socialização.

Agradecimento pelo voto de congratulações

Há dias venho pensando em como agradecer à altura tamanho reconhecimento e valorização recebidos. Após muita reflexão percebi que não vou conseguir traduzir em palavras a emoção sentida. Desta forma, tentarei resumir este “turbilhão de afeto” em um MUITO OBRIGADA, deputado Dr. Hércules! E eu não agradeço apenas pelo documento recebido. Agradeço seu envolvimento com a Doença de Parkinson, seu respeito e valorização por